Comunidade de eleitoralista: algumas explicações

Tenho sistematicamente rejeitado participantes na comunidade de direito eleitoral que criei no Uol K. É que a maioria quer participar sem identificação pessoal e profissional, o que viola o espírito da comunidade de eleitoralistas: ser uma rede de relação profissional e doutrinária, sobretudo. Quem participa de comunidade no orkut de direito eleitoral pode verificar que, salvo uma ou outra exceção, elas derivam para discussões menores. Aqui, não. A proposta da comunidade de eleitoralistas é permitir o debate de questões e, além disso, a possibilidade de contatos profissionais entre advogados, e o estabelecimento de discussões doutrinárias e práticas entre juízes, promotores, advogados e interessados, tratando de casos concretos ou de questões intrincadas.

Fora disso, a comunidade perderia a sua razão de ser. Como não quero quantidade, mas sim qualidade, sejam bem vindos os que vierem com identificação. As duas exceções que permiti estão ainda sob análise.

Está postado lá uma discussão sobre a decisão do TSE acerca da imprensa, entrevistas e propaganda prematura.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tempo do registro, tempo do fato ilícito e tempo de vigência da lei

Ações eleitorais e tutela coletiva (I)

Unidade da chapa majoritária e unidade de destinos dos seus membros